A concorrente de Monero e ZCash, Dash, apresentará sidechains calhas laterais

  • O criptomoeda Dash introduzirá sidechains para aplicações distribuídas na plataforma Dash.
  • O objetivo é aumentar o desempenho e a escalabilidade do ecossistema Dash.

Bitcoin, Monero, Dash, Zcash e outras moedas criptográficas servirão como meio de pagamento do futuro. Com o aumento do uso e da adaptação, no entanto, os recursos das redes atingem seus limites às vezes. No entanto, para garantir que todas as transações possam ser realizadas sem problemas, existem várias soluções de escalabilidade.

Dash irá integrar sidechains na plataforma

A Dash anunciou a disponibilidade de sidechains para aplicativos distribuídos (dApps) na plataforma Dash. Isso deve aumentar a segurança da rede e melhorar o desempenho do blockchain do Dash. Ivan Shumkov, desenvolvedor líder do Dash Platrom, descreve que a equipe de desenvolvimento decidiu usar sidechains:

A fim de hospedar e operar esses serviços, Dash Platform será executado exclusivamente na rede masternode. Em comparação com a utilização de toda a rede Dash, esta é uma solução muito mais escalável porque os masternodes serão economicamente incentivados a fornecer um serviço de alta qualidade. Para processar e armazenar o estado da plataforma (o conjunto de dados da plataforma global), a plataforma precisa de um protocolo de consenso bizantino tolerante a falhas. Esse protocolo de consenso garante que um quórum (ou seja, um subconjunto) de masternodes valide e processe os dados de forma confiável.

O problema de como melhor registrar e finalizar transições de estado nos apresenta duas soluções potenciais: usar a blockchain existente ou introduzir uma nova blockchain apenas para a plataforma.

A equipe de desenvolvimento decidiu integrar uma blockchain separada, também conhecida como sidechain ou cadeia de plataformas. Isto será usado para executar e armazenar elementos específicos da aplicação. Existem 4 razões principais para esta decisão:

  1. Uso eficiente dos recursos: A Platform Chain Sidechain é utilizada exclusivamente na rede Masternode e reduz a carga total da rede e o tamanho da blockchain existente.
  2. Verificação de dados simples para clientes leves: Para tornar os dados verificáveis para clientes leves, os dados existentes são preparados usando “merkle root” e podem ser processados mais rapidamente.
  3. Processamento de transações mais rápido para uma melhor experiência do usuário: Em vez do antigo protocolo de consenso da prova de trabalho, deve ser introduzido um consenso da prova de serviço.
  4. Aumento da segurança: A blockchain pode funcionar independentemente uns dos outros devido à estrutura de uma “segunda camada”. Se ocorrerem problemas em uma blockchain, a funcionalidade de pagamento não será afetada.

Adaptação do Traço continua a progredir

Sidechains irá ajudar o Dash a aumentar ainda mais a funcionalidade e a velocidade da rede. O CEO da Dash, Ryan Taylor, anunciou os números atuais de crescimento da rede Dash. De acordo com os números, houve um aumento significativo nas transações diárias na Dash Network. No terceiro trimestre de 2018, foram realizadas 5.559 transações na Dash Network. No terceiro trimestre de 2019, o número subiu para 11.133.

A Dash também conseguiu estabelecer outras parcerias:

  • A loja de TI britânica Morefrom integra o Dash como meio de pagamento.
  • NiceHash, uma plataforma para aluguel de serviços de mineração, acrescenta Dash como meio de pagamento.
  • O serviço de reservas de viagens Destinia agora oferece o Dash como meio de pagamento.
  • O câmbio criptográfico Binance.us também incluiu o Dash em seu portfólio.

About Author

Collin é um investidor Bitcoin do início da hora e um investidor de longa data no mercado de criptomoedas e forex. Ele está fascinado pelas complexas possibilidades da tecnologia blockchain e tenta tornar a matéria acessível a todos. Seus relatórios se concentram em desenvolvimentos sobre a tecnologia para diferentes criptomoedas.

Os comentários estão encerrados.